Avisos e Devocionais

VAMOS!!! NÃO DESISTA DE LUTAR!!!
17-09-2017
Vamos!!! Não desista de lutar!!!
Já estou convencido de que os sofrimentos de nossas vidas fazem parte do plano de Deus. Não me convenci disso apenas olhando para minha própria história. Percebi essa realidade ao estudar exaustivamente a Palavra do Senhor. Noé precisou de muita força para vivenciar o plano de Deus. Sofreu o escárnio de toda uma sociedade que, simplesmente, o tratou como louco quando alertada do plano cataclísmico do Senhor. Quando as chuvas caíram e a crosta se abriu em fendas que fizeram jorrar água de todos os cantos da terra, Noé precisou perseverar/sofrer mais de 1 ano dentro da arca até que as águas cedessem. José foi rejeitado, vendido, preso, escravo, vítima de inveja e injustiça. Fazia parte do plano de Deus. Moisés foi chamado por Deus para realizar uma poderosa obra de libertação. Perceba: o fato de ter sido chamado por Deus não o privou de intensos sofrimentos, de intensas perseguições. Perseguido por Faraó, quarenta anos no deserto (tempos difíceis ainda mesmo com a provisão de Deus), vítima de críticas severas de Arão e Miriam, não desistiu! Davi foi perseguido pelo seu próprio Rei. Saul tinha inveja de Davi e, portanto, por várias vezes tentou matá-lo. Davi, já Rei de Israel, foi traído pelo seu próprio vido, Absalão, que tentou usurpar seu trono. O profeta Elias foi perseguido pela Rainha Jezabel, tanta perseguição fez com que ele pensasse em desistir, entrou em depressão, mas Deus o levantou. O projeta Oséias foi traído pela sua própria esposa. O profeta Isaias, segundo a tradição, foi martirizado (assassinado) pelo terrível Rei Manassés. O apóstolo Paulo teve de descer em um cesto para fugir de uma prisão arbitrária (Cf. 2 Co 11.32-33); foi expulso de Antioquia pelos poderosos da cidade (Cf. At 13.50-51); Foi apedrejado quase até a morte em Listra (Cf. At 14.19); Na Macedônia foi açoitado, preso e amarrado com os pés em um tronco (Cf. At 16.23-24; Foi perseguido pelos judeus de Tessalônica porque pregou em Bereia (Cf. At 17.13-14); Por pregar contra outros deuses em Éfeso, ficou em meio a uma grande confusão na cidade
(Cf. At 19.23-26); Em Jerusalém é acusado injustamente de ter levado um grego ao templo e, por isso, é perseguido e quase é morto (Cf. At 21.27-31); Preso e enviado a Roma, sofre um naufrágio em Mileto (Cf. At 27.13-20); Na ilha de Malta é picado por uma cobra venenosa (Cf. Atos 28:3); Foi traído por vários daqueles a quem dedicou sua vida (Cf. 2 Tm 4) e foi decapitado por Nero em Roma. E por que não falar de Jesus, nascido pobre, perseguido, abandonado pelos seus amigos, acusado e julgado injustamente, açoitado, cuspido, tratado com ingratidão e morto por aqueles a quem decidiu amar. Homem de Dores, Servo Sofredor que padeceu, nosso Jesus, também sofreu! Poderia usar páginas e mais páginas mencionando o sofrimento de vários homens de Deus, mas também passaria páginas e páginas mencionando seus triunfos, suas vitórias em meio ao sofrimento. Não estou aqui para lhe desencorajar quanto ao próprio curso da vida, mas para lhe fazer perceber a grandiosa realidade do fim que requer a forja do meio. Os resultados da perseverança! Todos esses homens (que foram citados acima) são pessoas iguais a nós, que decidiram lutar! Que decidiram perseverar em meios as lutas, angústias e tribulações. Talvez você esteja no meio da tempestade! Talvez sofrendo no deserto. Ridicularizado pelas pessoas, perseguido, criticado, deprimido, traído, abandonado, sozinho, vítima de ingratidão, com problemas financeiros, talvez você tenha recebido o diagnóstico de uma terrível doença ou até mesmo morrendo, desenganado pelos médicos, simplesmente, NÃO DESISTA DE LUTAR!!! Glorifique a Jesus (o homem de dores), identificando-se com Seus sofrimentos, além disso, deposite todos os seus sofrimentos diante do altar dEle, na certeza de que Ele tem o melhor para nós e confiando que as rédeas das nossas vidas estão em Suas mãos. Deus está no controle! Tenho certeza que ao final de tudo isso, cantaremos juntos, hinos de vitória!
Que Deus nos abençoe! Do seu pastor e servo de Cristo, Pr. Segundo Almeida